LinuxNews

Stacer recebe nova versão e é reescrito em C++

Você lembra do Stacer? Algum tempo atrás analisamos esse completo e belo gerenciador de recursos para Linux, recheada de recursos e muito intuitiva, você pode dar uma conferida em nossa análise, clicando aqui.

Na época apontamos como problema o alto consumo de memória da aplicação, isso porque ela era desenvolvida sobre o framework electron, que apesar de ser uma excelente opção para facilitar o desenvolvimento de aplicações multiplataforma, tem como calcanhar de aquiles, o consumo elevado de memória RAM.

Pois para o Stacer o problema fora resolvido, semana passada os desenvolvedores lançaram a versão 1.0.8, que junto com algumas alterações de melhorias de recursos, re-escreveram todo o código em C++.

Essa mudança fora significativa para aplicação, que diminuiu o consumo médio de 120MB de memória RAM em sua primeira versão, para os incriveis 13MB.

Recurso de limpeza do Stacer

Para deixar tudo ainda mais divertido, a aplicação passou a ser responsiva, adequando-se automaticamente a qualquer tamanho de tela.

Com essas mudanças, o Stacer passa a ser uma excelente opção para substituição de seu monitor de recursos e quem saiba, o software a ser adotado como padrão por alguma das distribuições em um futuro próximo. Para baixar o Stacer, clique aqui, vale destacar que a aplicação continua sendo empacotada em AppImage o que permite sua rápida instalação em qualquer distribuição Linux.

Back to top button