News

A Melhor Distribuição de 2015

No final de Dezembro desse último ano, 2015, abrimos uma enquete para que os nossos leitores escolhessem qual a melhor distribuição Linux de 2015, acabou-se o ano, começou 2016 e encerramos a nossa pesquisa, trazendo agora a lista de quais as distros que os nossos leitores acham que devem levar o troféu.

Tais informações são interessantes em compartilhar, pois podem ajudar a novos usuários no momento de escolher a distro que irão usar em suas máquinas, claro que tudo depende muito de gosto e a variedade de distribuições Linux tenta justamente a atender os mais diferentes tipos de usuários, mas ver o que os próprios usuários votaram como melhor, já faz ver que o trabalho dos desenvolvedores está agradando.

Resultado da pesquisa promovida pelo Linux Centro

Vale lembrar que a lista e posição a seguir foi feita inteiramente com os votos recebidos na pesquisa e que este que vos escreve, restringiu-se apenas a colocar a escolha de vocês, leitores, nesta matéria informativa.

Linux Mint

Com 25,2% dos votos, o Linux Mint levou a coroa de melhor distribuição Linux de 2015. A distro encabeçada pelo desenvolvedor Clement, ganhou muito destaque logo que a Canonical adotou o Unity no Ubuntu e o Gnome adotava sua terceira versão, o Linux Mint apresentou o Mate, um fork do Gnome 2 e o Cinnamon, uma visão diferenciada do Gnome Shell. Com a visão mais conservadora e um foco total e unicamente nos desktops, os usuários acabaram por gostar da distribuição que originalmente era baseada no Ubuntu e hoje conta com versões baseadas também no Debian, além de agora trazer o KDE e XFCE como opções de escritório.

Um dos focos do Linux Mint é estar pronto para o uso, portanto, todos os softwares e pacotes necessários já estão pré instalados, tais como flash e java, a distro herda todas as vantagens do Ubuntu, o qual tem sua versão principal baseada e traz alguns softwares próprios, como seu próprio atualizador e o seu ambiente gráfico.

Ubuntu

Entra ano e sai ano e por mais que a Canonical coma bola em muitas vezes, é inegável que seu trabalho com o Ubuntu sempre teve um grande destaque não somente na comunidade, como em toda a midia, não é a toa que essa é a distribuição mais famosa e quando falamos em Linux para um leigo, Ubuntu seja o nome que venha a cabeça.

Com 24,4% dos votos, o Ubuntu foi escolhido como a segunda melhor distro de 2015, pelos leitores do Linux Centro. A distro traz o Unity como seu ambiente gráfico, ambiente este voltado a produtividade e que ao longo dos anos evoluiu e trouxe grandes funcionalidades a distribuição, estando ele pronto para receber uma grande mudança neste ano, que o tornará um ambiente convergente, ou seja, compatível com dispositivos mobiles, além de um visual totalmente renovado.

Debian

Um das distros mais importantes da lista, pode ter ficado com o terceiro lugar, mas sem a mesma, não existiria Ubuntu ou Linux Mint, já que o Ubuntu nasceu do Debian e o Linux Mint nasceu do Ubuntu. O Debian recebeu 14,1% dos votos, ficando em terceira posição, uma posição honrosa, se considerarmos que dos três colocados, esta seria a “mais complicada” no uso e voltada para o usuário com um pouco mais de conhecimento.

No fim deste ano a comunidade recebeu uma triste noticia, já que o criador do Debian veio a óbito, mas é inegável que seu trabalho marcou o mundo tecnológico e estará presente ao longo das eras, tendo uma comunidade para continuar o que ele começou, essa colocação serve para mostrar que seu nome foi imortalizado, Ian Murdock.

Menção Honrosa – Fedora

Iriamos deixar apenas os três primeiros colocados, mas achamos importante efetuar essa menção honrosa, pelo seguinte motivo, foi a distro Linux não baseada no Debian, mais bem colocada da votação. O Fedora ficou com 5,2% dos votos, a frente do robusto openSUSE que teve 4,4% dos votos. Entre a grande popularidade das distros derivadas do Debian, é interessante ver como o Fedora agrada o público e toma a frente nas distros RPM.

Tags
Back to top button