Flickr – Yahoo vende rede social de fotos para a SmugMug

Flickr – Yahoo vende rede social de fotos para a SmugMug

O Flickr nasceu em 2004 pelas mãos da Ludicorp, a proposta do serviço era ser uma rede social para fotos, em 2005 o Yahoo em uma jornada para conseguir um lugar de competição entre Google e Microsoft, adquiriu o serviço.

A idéia inicial era o ter como o Google Fotos é hoje (Na época o Google Fotos ainda não existia, em seu lugar era comum o uso do Orkut para armazenamento de fotos), um local para os usuários armazenarem e compartilharem suas fotos, apesar de não ter conseguido este objetivo, o serviço acabou tornando-se extremamente popular entre fotógrafos profissionais e amadores, graças as suas funcionalidades que tornam o serviço mais propicio para divulgação do conteúdo produzido.

Quando Marisa Mayer assumiu o Yahoo, uma proposta foi apresentada, o serviço de e-mail da empresa e o Flickr teriam 1TB de armazenamento gratuito compartilhado entre eles, junto com suas reformulações, obviamente isso tornou seu uso ainda mais interessante para os profissionais e desde então uma grande comunidade foi montada em volta da plataforma.

Mas depois do Yahoo ter sido vendido para a Verizon e hoje estar sobre a subsidiária da empresa chamada de Oath, estas parecem ter considerado que o Flickr não era um produto interessante para seu portfólio e entramos ao fim de Abril com a noticia da venda para a SmugMug.

O SmugMug é um serviço muito similar ao do Flickr, mas com uma diferença, ele não opera de forma gratuita, todo o seu modelo é construído em torno de planos pagos, todos oferecem armazenamento ilimitado, mas cada plano possui funcionalidades diferenciadas.

Essa compra nos coloca em um cenário de muitas dúvidas, no que diz respeito ao Yahoo, com a perda do Flickr em seu portfólio, não sabemos se a oferta de 1TB de armazenamento para o e-mail será mantida ou o espaço será reduzido, até porque 1TB apenas para e-mails (visto que o Yahoo não possui seu próprio serviços de armazenamento de arquivos) é algo um tanto quanto pouco aproveitável.

Do lado do Flickr, não sabemos se o serviço permanecerá gratuito e com todo o seu espaço disponível, por hora, a SmugMug diz que não tem qualquer plano de alteração para o Flickr e pretende avaliar o público para decidir seu futuro, posteriormente.

A probabilidade da plataforma ser engolida em um curto prazo é grande, assim como os seus usuários serem convencidos aos poucos em contratar um plano pago e a empresa seguir com seu negocio já consolidado, porém, tudo não passa de especulações.

Por hora, usuários do Flickr podem até ficar contentes, já que a empresa que irá gerir o serviço daqui para frente é especializada no ramo de imagens.

Enable Notifications    Ok No thanks